Browsing Tag

viagem

Europa Viagens

Visitar Viena num abrir e fechar de olhos

Janeiro 24, 2020
visitar viena

Visitar Viena é descobrir a capital da Áustria conhecida pelos seus palácios imponentes e pelos famosos compositores, pelo que tudo na cidade é grandioso e magnífico!

Desde os prédios históricos – que se emendam uns nos outros – até aos parques e jardins, Viena é um regalo para os olhos e um roteiro pela cidade varia bastante de acordo com a quantidade de dias de que dispõem. Nós fomos em contexto de evento, por isso esforçámo-nos para ver o máximo e ficar com a sensação de termos conhecido uma pequena parte da cidade, havemos de voltar com mais tempo. Porém, para visitar os palácios, museus, jardins e toda uma série de atracções que Viena tem, serão sempre necessários, no mínimo, três dias completos. Além disso, outra dica é incluírem no vosso roteiro um ‘day trip’ até Bratislava, a capital da Eslováquia, que fica ali tão pertinho.

Portanto, abaixo partilhámos a nossa lista com as atracções escolhidas de acordo com a nossa disponibilidade.

Segundo consta, durante a epidemia da peste de 1713, o Imperador Carlos VI prometeu ao povo que, quando a cidade fosse liberada da doença, construiria um templo dedicado ao padroeiro da luta contra a peste e foi assim que surgiu a belíssima Karlskirche.

A sua construção foi lenta e só terminou 25 anos depois.  

Um dos palácios mais importantes de Viena: o Belvedere, que inclui dois complexos, o Belvedere Superior e o Belvedere Inferior, separados por um bonito jardim de fontes. A vista de lá é incrível e especialmente para quem gosta de arte, é de visita obrigatória!

Com muita pena nossa, não houve tempo para visitar o Palácio de Schonbrunn, considerado Património Cultural Mundial da UNESCO, mas da próxima vez não falha.

Ir a Viena e não provar Schnitzel, um prato de panado frito típico da gastronomia local, é como ir a Itália e vir de lá sem ter comido pizza. Portanto, comam e comam muito, porque Viena tem bons spots para foodies! Ah, e não se esqueçam da fatia de Strudel.

Há alguma ópera mais conhecida que a Ópera de Viena?
A Ópera de Viena é tão conhecida que não se pode conceber uma viagem à cidade sem visitá-la e, por isso, lá fomos nós a um evento, e que bonito que foi!

De resto, caminhem muito pela cidade, sintam a imponência de cada canto e guardem espaço para o improviso.

Podem ver mais conteúdo sobre esta viagem no Instagram Mariana Machado.

Viagens

O quarto dia em Nova Iorque

Setembro 23, 2019

Já recomposta da emoção do dia do desfile, no quarto dia em Nova Iorque acordámos cedo para ir à Brooklyn Bridge, mas com alguns contratempos chegamos à ponte já por volta das 10h. A viagem de comboio demorou cerca de 30 minutos e esta viagem está sempre com muita gente, verdadeiramente ao estilo ‘sardinha enlatada’. Já na ponte, lá conseguimos tirar algumas fotos sem muita gente, mas a partir das 10h30 era impossível, dada a quantidade de turistas.
Continuar a ler

Viagens

Jamaica, muito mais do que a filosofia rastafári!

Agosto 22, 2019
Jamaica

Jamaica

Jamaica, um dos países no Caribe tipicamente associado a Bob Marley, é muito mais do que isso. Com as suas exuberantes montanhas, florestas tropicais e praias com recifes, o país tem praias de temperatura e cor inigualáveis. São precisas entre 8 a 9 horas de avião para lá chegar, a partir de Portugal e a diferença horária é de 6 horas.

Na Jamaica o termómetro raramente marca abaixo dos 20°C no litoral, graças ao seu clima quente e tropical. Apesar disso, a ilha está no mapa dos furacões, o que faz com que a melhor época para ir lá seja entre Dezembro e Abril, quando chove menos. A temporada de furacões vai de Junho a Novembro e, apesar de ser recomendável evitar viajar durante esses meses, foi quando nós arriscámos e no final até tivemos sorte, apesar de ter chovido todos os dias.
Continuar a ler

Europa Lifestyle Viagens

Paris is always a good idea!

Dezembro 5, 2018
Paris is always a good idea

Paris is always a good idea
Paris is always a good ideaParis is always a good idea… é uma frase super conhecida, mas que faz todo o sentido! Nem que seja por poucos dias, é sempre bom voltar à cidade do amor. O ideal são quatro dias, mas – claro! – quanto mais melhor. Esta escapadinha serviu para refrescar os conteúdos aqui no blog e no Instagram e também para procurar mais inspiração!  Continuar a ler