Resultados de pesquisa para

japão

Ásia Viagens

Maldivas pela segunda vez!

Julho 31, 2019
Maldivas

Em Maio, depois de termos percorrido o Japão, um destino que há muito estava na bucket list, tirámos uns dias de descanso nas Maldivas, aquele paraíso que nos deixa em plena paz e harmonia.

Já tínhamos estado nas Maldivas em 2014, mas naquela altura não tínhamos propriamente amado o destino. Portanto, voltar lá foi uma excelente decisão para limparmos a ideia que tínhamos e trazermos novas e melhores memórias.  Continuar a ler

Ásia Viagens

Explorar a Kyoto antiga e daytrip a Osaka

Junho 1, 2019
daytrip a Osaka

No nono dia no Japão voltámos a acordar cedo, era já uma ‘quase-rotina’. Acordamos cedo  e fomos para a zona antiga fotografar e, bem, àquela hora as ruas eram só nossas!

Passear pela Kyoto anitga é caminhar por muitos séculos de história: fundada no século I, a cidade foi a capital da corte imperial até ser substituída por Tóquio, em 1868 e, por sorte, foi poupada dos bombardeios da Segunda Guerra Mundial. Continuar a ler

Ásia Viagens

Kyoto: explorar Arashiyama, famosa pela Floresta de Bambu

Maio 28, 2019

Arashiyama

No oitavo dia no Japão já começámos a sentir o cansaço da viagem, mas havia ainda muito para explorar. Resolvemos, por isso, ir de manhã bem cedo até à Floresta de Bambu, no distrito de Arashiyama. Por ser muito procurada pelos turistas e uma das atracções mais fotografadas de Kyoto, às 5h da manhã já estávamos fora da cama. Aqui confesso que o motivo principal era para fazer uma fotografia sem ninguém, mas a realidade é que é a melhor hora para se estar naquele lugar, conseguir ouvir os pássaros e sentir o sol que passa por entre os bambus. Portanto, só àquela hora seria possível sentir a Natureza desta forma. Os raios de sol dão um ar misterioso à floresta, tornando o sítio especial.

 

Passeámos um bocadinho por aquela zona, que é de facto muito bonita. Tem um rio lindo por onde passam uns barcos que fazem um pequeno percurso que, para quem quiser, é possível subir e usufruir do passeio, mas nós optámos por ficar apenas a tomar um café e a sentirmo-nos uns privilegiados por podermos contemplar aquela vista! 

Continuar a ler

Ásia Viagens

Daytrip a Nara

Maio 24, 2019

Nara

O sétimo dia no Japão foi dedicado a Nara, que fica a cerca de 40 minutos de comboio, a partir de Kyoto.
A cidade teve a sua importância em 710, quando foi instituída como a primeira capital permanente do Japão, apesar de o consulado não ter durado mais do que um século. Se atribuíssemos uma mascote à cidade, certamente seria o veado: estão por todo o lado, mas o melhor sítio para os ver de perto é o Nara Koen, onde até se pode comprar bolachas (shika‑sembei) para os alimentar. Acreditem que é assim que vão conseguir roubar a atenção deles e é o único alimento que lhes é permitido dar. 🙂

O Nara Koen é a casa de mais de mil veados, que percorrem livremente as florestas e os caminhos, e guarda ainda muitos dos templos e santuários da cidade.  Continuar a ler

Ásia Viagens

Kyoto: explorar os templos Fushimi Inari Shrine e Kinkaku-ji

Maio 19, 2019
Kyoto

Kyoto
O quinto dia na capital japonesa foi a passear pela zona da Torre de Tóquio, bem mais tranquila. Foi uma pausa no frenesim que é Tóquio. Depois de explorada a área fomos fazer as malas, era hora de viajar até Kyoto. Demos novamente uso ao JR Pass (já falado no post anterior) e assim que chegámos à cidade, i
nstalámo-nos no hotel (Gran Ms Kyoto) e seguimos para jantar. Hoje era dia de provar as famosas panquecas japonesas… Deliciosas! Continuar a ler

Ásia Viagens

Monte Fuji, o lugar do nosso imaginário!

Maio 18, 2019
Monte Fuji

Monte Fuji

O quarto dia começou com uma visita ao Monte Fuji, conhecido como o ponto mais alto do Japão. Com cerca de 3770 metros de altitude, o cume está habitualmente coberto de neve, e é a mais conhecida das Três Montanhas Sagradas do Japão. Para lá chegar usámos pela primeira vez o Japan Rail Pass, que é um passe de comboios válido durante um período de 7, 14 ou 21 dias consecutivos (vocês escolhem em função da vossa viagem), criado para viajantes estrangeiros que pretendam visitar o Japão com um visto de turismo. Este passe tem de ser (obrigatoriamente) comprado antes de viajarem para o Japão e podem-nos fazer online, de forma fácil e segura. No dia anterior tínhamos ido trocar os bilhetes que nos chegaram a casa pelos próprios passes, na Estação de Shinjuku. Tenham em atenção que este serviço só funciona até as 17h30.
Continuar a ler

Ásia Viagens

Tóquio: explorar Shibuya

Maio 5, 2019
Shibuya

ShibuyaGrande Torii do Santuário Meiji Jingu, que delimita a sua área

Finalmente chegámos a um dos destinos de sonho: Japão.
É praticamente possível viajar no Japão ao longo de todo o ano, se bem que é sempre mais aconselhável visitar o país na Primavera (Março a Maio) ou no Outono (Setembro a Novembro), sendo que cada estação destaca-se por diferentes motivos. Na Primavera acontece a famosa sakura, período em que as cerejeiras começam a florir, e no Outono as temperaturas ficam amenas e as cores tornam-se irresistíveis. Há feriados e eventos que convém também terem em conta: especialmente a semana dourada (que decorre no final de Abril e princípio de Maio e que nós ainda apanhámos: há mais confusão, os japoneses tiram férias, mas tudo se faz), o Festival O-Bon (que acontece em meados de Agosto) e e na altura do ano novo (Shōgatsu), porque está praticamente tudo fechado.

A nossa viagem começou em Lisboa, de onde saímos às 14h30, com a Emirates. Excluindo a escala no Dubai, em voo passámos cerca de 18horas. Portanto, convém que se pense um pouco sobre a melhor época para embarcar nesta viagem de sonho!
Após chegarmos a Tóquio às 17h30 do dia seguinte, fomos logo directos ao hotel (Akasaka Excel Hotel), sendo que demorámos cerca de 1h30 a lá chegar.
Continuar a ler

Lifestyle Restaurantes

Um saltinho à Ásia através d’O Asiático

Abril 28, 2019
O Asiático

O AsiáticoNeste restaurante lisboeta cabe um grande pedaço da Ásia, esse continente que tanto gostamos, que rouba o coração a quem lá vai. Do Japão até ao Nepal, os sabores desfilam na mesa, mas é nas paredes que são contadas as histórias capturadas pelo próprio chef Kiko Martins, aquando da sua viagem pelo mundo. Algumas tinham já sido desvendadas no livro “Comer o Mundo”, mas quase todas são inéditas.
Continuar a ler