Resultados de pesquisa para

brasil

Viagens

Dicas de destinos para lua-de-mel: Américas

Fevereiro 17, 2021

Depois de termos sugerido destinos para lua-de-mel na Ásia (aqui), hoje voltamos com sugestões para quem sonha com as Américas, com base na nossa experiência e dando destaque ao Caribe.

Quem aqui não sonha com praias de areia branca, água turquesa, hotéis lindos, onde apetece ficar a viver para sempre? Vamos lá então!

JAMAICA

Com as suas exuberantes montanhas, florestas tropicais e praias com recifes, a Jamaica oferece-nos praias de temperatura e cor inigualáveis. O Rastafari way of life” é uma verdadeira filosofia de vida e a vibe sente-se em todos os lugares. São precisas entre 8 a 9 horas de avião para lá chegar, a partir de Portugal, e a diferença horária é de 6 horas.

Neste país, o termómetro raramente marca abaixo dos 20°C no litoral, graças ao seu clima quente e tropical. Apesar disso, a ilha está no mapa dos furacões, o que faz com que a melhor época para ir lá seja entre Dezembro e Abril, quando chove menos, já que a temporada de furacões vai de Junho a Novembro.

Nós ficámos em Negril, onde dizem que o pôr-do-sol é mais bonito. A cidade em si é pequenina (não chega aos 10 mil habitantes) e está na ponta oeste da ilha, a 80km de Montego Bay (aeroporto mais próximo) e a 220km da capital, Kingston.

Onde ficar na Jamaica?

O hotel que fazia parte do nosso pacote de viagem era o Riu Club Negril, um hotel 5* na praia de Bloody Bay. O ambiente é relaxado, os funcionários são prestáveis, sempre de sorriso na cara, e a comida é abundante e variada. 

Se quiserem ficar “encaixados” nos cliffs de Negril sugerimos o hotel design RockHouse Hotel, que foi dos primeiros da região de West End. A localização é maravilhosa e podem saltar dos cliffs e das pontes.

Outra zona muito bonita é Port Antonio, onde fica a famosa Lagoa Azul (a original, onde foi gravado o filme com o mesmo nome e que todos nós vimos) e a Frenchman’s Cove (uma praia pequenina com um rio que desagua no mar, formando uma paisagem de cortar a respiração). Em Port Antonio também é possível fazer um passeio de jangada de bambu no Rio Grande, conduzida por um capitão rastafári. 

Experiências

Escolhemos a Jamaica para descansar e aproveitar a praia, mas mesmo assim fizemos a descida do rio de jangada na Mayfield Falls. Para chegarmos a Mayfield Falls, que fica a cerca de 1h30 de Negril, passámos por aldeias de floresta tropical e chegando lá descobrimos um verdadeiro paraíso, em tons de azul e verde. Há muitas cachoeiras, mais de 20 piscinas naturais, muita floresta tropical, um delírio para os olhos, em especial para os de quem aprecia a Natureza e gosta de a sentir. 

MÉXICO

No México ficámo-nos por uma parte da Península de Yucatán, a idílica Tulum, na famosa região da Riviera Maya. É uma região excelente porque aqui conseguem conciliar praias lindas do caribe mexicano, rodeadas de história e cultura, numa atmosfera de puro relax, easy-going. Não é, afinal, o que se quer para uma lua-de-mel? 😉

Alugámos carro e eis o que explorámos:
* Dia 2: Chichén Itzá, as lagoas coloridas de Las Coloradas e, no regresso, parámos em Valladolid.
* Dia 3: fomos à descoberta do Gran Cenote e do Cenote Calavera.
* Dia 4: um dia dedicado aos sabores mexicanos!
* Dia 5: Bacalar, o paraíso conhecido pela lagoa que se cruza com o mar, dona de 7 tons de azul! 

Onde ficar alojado em Tulum?

Sobre o alojamento, podem ler (ou reler) este artigo, em que falámos do incrível Una Vida Tulum. Foi onde passámos grande parte do nosso tempo e achamos que se adequa muito bem a uma lua-de-mel.

Se puderem, fiquem no Azulik Eco Resort, nem que seja apenas uma noite. Este era o nosso ‘sonho de consumo’, um lugar único, diferente e naturalmente lindo!

Os quartos assemelham-se a casas na árvore, encaixados nos rochedos, todos em madeira, com muita luz natural, cada qual com o seu terraço e vistas magníficas para o mar azul turquesa. É uma verdadeira experiência “detox” do frenesim diário, aqui não há energia eléctrica, internet (apenas no lobby), televisão ou telefones.

A localização do hotel também é excelente, perto de alguns restaurantes, dá pra fazer quase tudo a pé e, além disso, fica ao lado de um dos beach clubs mais animados de Tulum, o Papaya Playa.

BRASIL

Se há um lugar que queremos muito voltar, esse lugar é o Rio de Janeiro. Estivemos na cidade em 2016 e adorámos cada canto… tanto que a sugerimos para lua-de-mel!

O que explorámos no Rio?

* Cristo Rendetor e Tijuca, com Lully Sampaio, que é tour guide
* Jardim Botânico e Escadaria Selarón
* Santa Teresa e Parque das Ruínas
* Centro histórico e Lapa
* Trilha Dois Irmãos e Vidigal
* Joatinga e Pão de Açúcar
* Copacabana e Parque Lage

Angra dos Reis

Angra dos Reis é um lugar mágico, daqueles onde a rotina se perde e fica apenas a tranquilidade do sítio.  Para quem procura paz e natureza, é o lugar perfeito! Fica a cerca de 150 quilómetros da capital carioca (cerca de 3 horas de viagem) e a partir de lá é possível fazer um passeio de um dia. 

Arraial do Cabo

A cidade de Arraial do Cabo fica na badalada Região dos Lagos, a 3 horas do Rio, e – para além das praias paradisíacas – é também muito procurada pelas lagos, dunas e miradouros. 

Os passeios de barco são bastante populares em Arraial do Cabo. Saem da marina diariamente e com bastante frequência, por isso, é óptimo para quem quiser aproveitar, já que num dia conseguimos passar pelos principais pontos de interesse. 

Outro destino brasileiro que, na altura não fomos, mas que está na nossa lista é Fernando de Noronha. Sabemos que as passagens e os hotéis não são nada baratos, mas acreditamos que deve valer muito a pena, especialmente em registo de lua-de-mel.

Parece-vos bem?
Estas são apenas algumas sugestões de destinos para lua-de-mel, com base nos países que conhecemos naquele lado do mundo. Têm outras dicas que queiram partilhar? 🙂 Sintam-se à vontade!

Lifestyle

Visitar Madrid, a capital sempre na moda!

Fevereiro 14, 2020
Visitar Madrid

Ora, somos do clube que defende que “a Madrid devemos sempre voltar”. A capital respira alegria e vitalidade e, portanto, não podíamos ficar mais agradados com o convite da Salsa, que já aqui abordámos.

Madrid fervilha a todo o instante, nascem e proliferam espaços novos, há sempre algo para descobrir. Por isso, voltar à capital espanhola é sempre um enorme gosto. Desta vez, aproveitámos para conhecer o famoso Restaurante Amazónico, um espaço que está na moda, onde o ambiente é informal, cosmopolita e de muito bom gosto. A decoração claramente inspira-se na floresta Amazónica, com um pátio exterior muito bonito! A comida é boa e proporciona opções com influência brasileira e japonesa.

De resto, é deixarem-se ir, perderem-se pelas calles da capital espanhola, sem deixar de passar na bela Plaza Mayor e nas Puertas del Sol, onde se encontra o ponto zero de Madrid, na praça mais agitada da cidade.

Europa Viagens

Positano, a estrela da Costa Amalfitana!

Junho 28, 2019
Positano

Positano
PositanoPositano
fica na Costa Amalfitana e é conhecida pelas suas casinhas coloridas espalhadas encosta acima, como se formassem um presépio real, com o azul intenso do Mar Tirreno a seus pés.

Apenas para contextualizar, a Costa Amalfitana alonga-se entre as cidades de Sorrento e Salerno e, pelo caminho, temos Positano, Praiano, Amalfi, Ravelo, Minore e Maiore. A mais famosa é provavelmente Positano, daí chamarmos-lhe a ‘estrela’. Se lá forem preparem-se para fazer muito exercício físico, já que as ruas estreitas que dão o charme ao sítio são, na verdade, muitas escadarias. O melhor de tudo é que a vista é de tirar o fôlego, estejam onde estiverem!
Positano Continuar a ler

América do Norte Opinião Viagens

World You Need is Love começa em Toronto

Julho 18, 2017
Toronto

Hoje começam os relatos, em primeira mão, do casal Sofia e Ivo (do blog World You Need is Love), que partiram a 9 de Julho, de Viana do Castelo, para descobrir as diferentes formas de se celebrar o amor por esse mundo fora… Apaixonados por viagens, namoram há três anos e foi precisamente há três anos que decidiram organizar esta viagem, juntos. A eles junta-se a cadela Duna e a primeira paragem foi Toronto (Canadá), de onde Sofia é natural. Já conseguiram comprar a carrinha na qual vão viajar e agora é sempre a andar!

Mais de 100 mil quilómetros serão percorridos durante um ano, com o objectivo de fotografarem casamentos para mostrar que o amor vive em todo o lado. A viagem vai ser totalmente financiada pelos dois, sendo que cada um contribui com cerca de 15 mil euros.

O percurso previsto? Depois da costa oeste dos EUA tencionam seguir para o México, Chile, Colômbia, Nicarágua e Panamá, sendo que terminam no Brasil, lá para final de Janeiro de 2018. Vêm a Portugal matar algumas saudades, durante uma semana, e voltam à viagem da vida deles. Voam para a Índia, voltam a comprar uma carrinha, e seguem para Nepal, Tibete, China e sudoeste asiático. Timor-Leste será o destino final.

Resumida a viagem, é hora de lhes dar voz pela primeira de muitas vezes aqui no Double Trouble: Continuar a ler

Fashion & Beauty

Be different, be kind!

Julho 17, 2017
Be different, be kind

Be different, be kind!

Os dias seriam tão mais fáceis se fôssemos mais gentis uns com os outros, não acham?
Mais gentis no trânsito, mais gentis na rua, mais gentis no supermercado… Mas não, vivemos a 1000 à hora, sempre a correr de um lado para o outro que, por vezes, roçamos a má educação e nem nos apercebemos de tão agitados e stressados que andamos. Portanto, e aproveitando que hoje é Segunda-feira, vão devagar e, como dizem os nossos amigos brasileiros: “peguem leve”!

Continuar a ler

Fashion & Beauty

Efeito borboleta

Maio 1, 2017
Efeito borboleta

Certamente já ouviram falar no Efeito Borboleta. Quem não? 😉
Há uma frase muito conhecida que resume o fenómeno: “o bater de asas de uma borboleta no Brasil pode causar um tornado no Texas”. É o resumo da Teoria do Caos também chamado de Efeito Borboleta.

Na verdade é uma alegoria demonstrativa que pretende ilustrar como pequenos eventos podem originar grandes consequências. Pois é nisso que também nós acreditamos… Gostamos de crer que pequenas acções levam-nos a lugares maiores. E foi mais ou menos isso que aconteceu quando decidimos criar o nosso Double Trouble! 🙂 Continuar a ler